Angola: Programa de recuperação do café em Angola necessita de 220 milhões de dólares

21 November 2008

Sumbe, Angola, 21 Nov – O programa de recuperação e desenvolvimento elaborado pelo Instituto Nacional do Café (Inca) vai consumir 220 milhões de dólares, afirmou quinta-feira, na estação regional do Amboim (Gabela), o director geral da instituição, João Ferreira da Costa Neto.

Em declarações à agência noticiosa angolana Angop, Costa Neto sublinhou que o programa está a realizar projectos nos domínios da revitalização do café, extensão rural, investigação, experimentação, comercialização e industrialização e recuperação de infra-estruturas, contemplando igualmente o palmar.

Frisou que no quadro do programa do Governo para o desenvolvimento e modernização do sector cafeícola está incluso a comercialização deste produto, expansão das zonas de cultivo e seu repovoamento através de viveiros comunitários.

“Começamos a ter agora um ciclo positivo com a subida gradual da produção do café”, disse, acrescentado que “os níveis de produção para o quadriénio 2009/2012 vão elevar-se de cinco mil para 10 mil toneladas”.

Kwanza Sul, Kwanza Norte, Uíge e Bengo são as províncias angolanas que mais produzem café. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH