Angola: Presidentes da CGD e Santander Totta em Angola para fechar acordos com investidores locais

10 December 2008

Lisboa, Portugal, 10 Dez – Os presidentes da Caixa Geral de Depósitos e do Santander Totta encontram-se em Angola para, após meses de sucessivos atrasos e adiamentos, fechar esta semana os acordos para a abertura dos seu banco angolano a investidores locais.

Contactadas pela agência noticiosa portuguesa Lusa, fontes dos bancos envolvidos e das autoridades angolanas confirmaram a notícia avançada pelo Diário Económico de que os acordos para a abertura do capital do Banco Totta Angola será fechado esta semana, com a presença dos presidentes da Caixa Geral de Depósitos (Faria de Oliveira) e do Santander Totta (Nuno Amado).

Faria de Oliveira e Nuno Amado encontram-se em Luanda para formalizar o acordo relativo à abertura do capital do Totta Angola à Sonangol e a outros investidores angolanos.

Além de vender 49 por cento do Totta Angola aos angolanos, o Santander constitui com o banco estatal português uma sociedade em que o primeiro entra com 51 por cento do BTA, que não vende aos investidores angolanos, e a Caixa Geral de Depósitos com o valor correspondente em dinheiro, por forma a que fique detida em partes iguais.

No entanto, a Caixa fica com a gestão do Totta Angola, sendo que acordada à partida fica também a opção de, passado um ano, passar a deter a maioria da sociedade. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH