Taiwan: Macau deve perder anualmente meio milhão de turistas com os voos directos entre a China Continental e Taiwan

17 December 2008

Taipé Taiwan, 17 Dez – O início dos voos directos entre Taiwan e a China Continental fará com que Macau perca cerca de meio milhão de turistas por ano segundo disse à agência MacauNews um responsável do Conselho dos Assuntos do continente chinês do governo de Taiwan.

Chen Zhong-hung, que dirigiu em Macau o Centro Cultural e Económico de Taipé, considerado a representação não-oficial da ilha em Macau, disse que durante os quatros anos em que esteve no território visitaram Macau cerca de 1,4 milhões de turistas de Taiwan por ano.

“Esse número vai cair pelos menos em 500 mil turistas em 2009 com o início dos voos directos entre a China continental e Taiwan”, disse.

Na segunda-feira inciaram-se os voos directos entre Taiwan e a China Continental permitindo que residentes de Taiwan possam viajar diáriamente por via áerea para Pequim, Xangai, Guangzhou e outras cidades da China Continental.

Nos primeiros 10 meses do ano Macau recebeu 1,1 milhões de turistas de Taiwan comparados com 1,2 milhões em 2007.

Em 2007 o aeroporto de Macau recebeu 5,5 milhões de passageiros dos quais mais de 20 por cento de Taiwan.

“Acredito que em 2009, mesmo com as ligações directas entre Taiwan e a China Continental, pelo menos 400 mil turistas deTaiwan possam visitar Macau”, disse ainda ao MacauNews Chen Zhong-hung.

A Lusa-Agência de Notícias de Portugal noticiou que a Eva Airways, uma das companhias de Taiwan que efectua 12 voos diários para Macau, decidiu substituir na rota os seus aviões Boeing 777 e Airbus A-340, com capacidade para 300 passageiros, por aviões MD-90 que transportam 80 passageiros.

Trata-se do primeiro reflexo prático do início dos voos directos entre Taiwan e a China Continental.

Para além da Eva Airways voam entre Taiwan e Macau a TransAsia e a Air Macau.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH