Brasil: Galp Energia arrematou oito blocos para explorar petróleo no Brasil em consórcio com a Petrobras

19 December 2008

Lisboa, Portugal, 19 Dez – A Galp Energia arrematou oito blocos em terra para explorar petróleo no Brasil num investimento de 8,6 milhões de reais, na 10ª Ronda de Licitações realizada pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a empresa informa que cinco dos blocos adquiridos estão situados na zona de Potiguar e serão explorados em regime de consórcio com a petrolífera estatal brasileira Petrobras, com 50 por cento de participação cada.

No total, o consórcio pagou 8,6 milhões de reais pela compra destes cinco blocos, que se localizam em zona madura, onde a existência de petróleo e gás já está comprovada, sendo a Galp energia operadora em três destes.

As concessões exploratórias têm uma duração máxima de cinco anos, durante os quais serão perfurados diversos poços de prospecção, sendo que cada um destes blocos tem cerca de 30 quilómetros quadrados de área.

A Galp Energia arrematou ainda mais três blocos na Bacia do Amazonas, em novas fronteiras exploratórias, com potencial demonstrado por estudos, mas ainda pouco conhecidas ou com barreiras tecnológicas a serem vencidas.

Para a compra destes três blocos, o consórcio manteve-se com a Petrobras mas a companhia brasileira ficou com uma participação de 60 por cento e a Galp Energia com 40 por cento, custando no total 27,5 milhões de reais.

As concessões exploratórias estes blocos terão uma duração máxima de sete anos e a área total é de cerca de nove mil quilómetros quadrados.

Entre as 47 empresas inscritas para este leilão de blocos para exploração petrolífera, estiveram as portuguesas Galp Energia e Partex e a angolana Sonangol. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH