Moçambique: Consórcio com capitais das Mauricias e Madagáscar investe 250 milhões de dólares na produção de biocombustíveis em Manica

31 December 2008

Maputo, Moçambique, 31 Dez – Um consórcio de empresários das Maurícias e Madagáscar anunciou um investimento de 250 milhões de dólares para produzir biocombustíveis na província de Manica, na região centro de Moçambique, notícia hoje a imprensa moçambicana.  

O empreendimento criará 2.500 postos de trabalho e será instalado no posto administrativo de Dombe, distrito de Sussundenga.   

As autoridades moçambicanas concederam ao consórcio o título do Direito de Uso e Aproveitamento de Terra de uma área de 18 mil hectares, destinada ao cultivo de cana-de-açúcar e matéria-prima para a produção do bio-etanol. 

Após o arranque do projecto, denominado “Mozambique Principle Energy (MPC)”, prevê-se uma colheita anual de 2,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar e uma produção de 213 milhões de litros de etanol até 2013.

O combustível será exportado para países da região austral de África para atenuar a persistente crise energética.   

O projecto prevê ainda a instalação de uma central eléctrica com capacidade de 82,2 megawatts de energia a partir de 2012.   

O empreendimento usará apenas 20 por cento da energia produzida pela MPC .Os restantes 80 por cento serão fornecidos à rede nacional de energia.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH