Angola: Governo tailandês vai apoiar sector eléctrico angolano

6 January 2009

Banguecoque, Tailândia, 6 Jan – O governo tailandês está a estudar apoios ao sector da energia eléctrica em Angola através da formação de quadros angolanos pela Autoridade de Produção Energética da Tailândia, anunciou um responsável do Ministério da Energia do país.

Segundo Pornchai Rujiprapha, secretário permanente do Ministério da Energia da Tailândia, citado pelo jornal tailandês Bangkok Post, o pedido de apoio para o sector foi feito pelo embaixador angolano em Banguecoque, António Fernandes.

Pornchai Rujiprapha adiantou também ao jornal que o ministério tailandês está a considerar apoiar actividades de capacitação e formação dos funcionários das empresas de distribuição e produção de electricidade angolanas.

”O país este em paz e começou a tentar reanimar as infra-estruturas locais após ter sofrido décadas de guerra civil”, afirmou Pornchai.

A PTTEP, unidade de exploração e produção da petrolífera nacional tailandesa PTT, manifestou já interesse em candidatar-se às novas licenças de exploração de petróleo em Angola, em coordenação com o Ministério da Energia da Tailândia.

A empresa tailandesa, que já tem operações no Egipto e na Algéria, aposta também na entrada em países como a Líbia e a Nigéria, para além de Angola, e encara mesmo a aquisição de outras companhias nesses mercados.

“Os preços das acções estão a tornar-se mais razoáveis e isso levará a aquisições. Metade da nossa estratégia de crescimento tem tido origem em aquisições”, afirmou recentemente à imprensa Asdakorn Limpiti, vice-presidente da divisão de Estratégia e Desenvolvimento da PTTEP. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH