Moçambique: Silos para cereais foram construídos em Tete

6 January 2009

Tete, Moçambique, 6 Jan – Seis silos com uma capacidade de armazenamento de 50 mil toneladas foram construídos nos arredores da cidade de Tete para minimizar os efeitos da crise mundial de alimentos, afirmou Leonor Neves, directora de Agricultura da província de Tete.

Um sétimo silo, disse Neves, vai ser construído no distrito da Angónia, a região mais fértil da província e que este ano deverá ter uma produção de cereais consideravemente mais elevada do que em 2008 devido à introdução de técnicas agrícolas melhoradas.

Leonor Neves afirmou que os silos “praticamente garantem a comercialização de todo o cereal produzido em Tete a partir de Abril de 2009”.

A directora provincial acrescentou terem sido construídos dois grandes armazéns e manifestou a sua convicção de que com tantas instalações para armazenagem os produtos e intermediários começarão a vender o seu produto no interior de Moçambique ao invés de o comercializarem no vizinho Malawi.

Actualmente, existe um comércio florescente trans-fronteiriço com o milho, trigo, sorgo, batatas e sal produzido em Moçambique a ser vendido no Malawi em troca de bicicletas, açúcar e um conjunto variado de artigos em plástico.

Leonor Neves anunciou ainda a construção de uma fábrica para processar cereal e que, com um investimento de 15 milhões de dólares, começará a funcionar em Abril próximo nos arredores da cidade de Tete. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH