Cabo Verde: COSPE realiza campanha de promoção turística da ilha do Fogo

3 March 2009

São Filipe, Cabo Verde, 3 Mar – A organização não-governamental italiana COSPE vai realizar, de Março a Maio próximos, uma campanha de promoção turística das localidades de Chã de Caldeiras, Parque Natural e da ilha do Fogo, no geral, informou a agência noticiosa Inforpress.

A COSPE (Cooperazione per lo Sviluppo dei Paesi Emergenti ou Cooperação para o Desenvolvimento dos Países Emergentes) tem desenvolvido naquela ilha, em parceria com a Associação dos Agricultores locais e a comunidade de Chã de Caldeiras, um projecto que integra, entre outras valências, a promoção do turismo rural, na perspectiva de contribuir para a criação de mais-valias para a própria comunidade.

Nesse âmbito, pôs já em funcionamento desde Janeiro último, uma aldeia turística em Chã de Caldeiras, baptizada com nome de “Sírio”, a qual foi construída de raiz.

A campanha de promoção de Chã de Caldeiras como destino turístico, vai ser direccionada ao turismo interno através de oferta de condições especiais, tais como alojamento, utilizando-se, para o efeito, a nova aldeia turística que dispõe de um total de 6 quartos e 18 camas, todos com casa de banho privativo.

Por outro lado, a COSPE pretende desenvolver em parceria com a Direcção-Geral do Ambiente uma rede de turismo rural em Cabo Verde, contemplando, para o feito, as áreas designadas de “protegidas”, nas ilhas do Fogo, Santiago, São Nicolau e Santo Antão.

O projecto, que deverá ser financiado pela União Europeia, tem o arranque programado para finais de 2009 ou início de 2010, após a conclusão das actividades em curso, em vista à valorização dos referidos locais e seus produtos.

A nível da ilha do Fogo, o projecto prevê, concretamente, o desenvolvimento e valorização dos produtos artesanais, de modo a gerar uma nova economia organizada, através da melhoria dos produtos existentes e a sua diversificação para o mercado turístico. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH