Angola: Caminho-de-ferro de Moçâmedes já têm troços concluídos

5 March 2009

Luanda, Angola, 5 Mar – A reconstrução de um troço de 505 quilómetros da linha de caminho-de-ferro de Moçâmedes entre as províncias da Huíla e do Cuando Cubango vai ficar concluída até Julho próximo, afirmou em Luanda o vice-presidente da empresa chinesa responsável pela obra.

De acordo com a agência noticiosa angolana Angop, Wei Kui deixou aquela garantia na Jamba, província da Huíla, quando procedia esta semana à entrega de um troço de 89 quilómetros entre a Matala e o Dongo.

Com um total de 903 quilómetros, a linha de caminho-de-ferro entre o Namibe (antiga Moçâmedes) e Menongue (Cuando Cubango) foi quase que totalmente destruída durante a guerra civil, tendo sido uma das mais importantes vias férreas de Angola durante o período colonial.

A linha de Moçâmedes, a par da de Luanda (CFL), entre a capital e Malange, e da linha de Benguela (CFB), que liga o porto do Lobito aos vizinhos República Democrática do Congo e Zâmbia, constituem umas das primeiras apostas do Governo angolano no âmbito do Programa de Reconstrução Nacional que desde 2004 está em curso com apoio financeiro através das linhas de crédito abertas pela China.

Até 2010, segundo as estimativas governamentais, as três principais linhas de caminho-de-ferro angolanas deverão estar em funcionamento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH