Angola: Coca-Cola investe 150 milhões de dólares no mercado angolano em refrigerantes

27 March 2009

Luanda, Angola, 27 Mar – A Coca-Cola Botling investiu em Angola, em 2008, 150 milhões de dólares na construção de duas novas fábricas, aquisição de vasilhame e outro equipamento subsidiário, informou quinta-feira, em Luanda, o director-geral da Sabmiller/Angola.

Samuel Jerónimo, também director-geral da Coca-Cola nas zonas norte (Cabinda, Luanda e Benguela) e sul (Huíla, Namibe e Kwando Kubango), disse à agência noticiosa angolana Angop que aquele valor foi distribuído em 100 milhões de dólares na construção de fábricas (Luanda e Catumbela), 30 milhões em vasilhame e numa frota de camiões e 20 milhões de dólares em equipamento subsidiário.

Na fábrica de Catumbela foram investidos 22 milhões de dólares, com uma linha de enchimento de garrafas retornáveis, e no projecto da comuna da Funda (Cacuaco) foram aplicados 75 milhões de dólares, apenas em refrigerantes.

Samuel Jerónimo apontou como principais constrangimentos para os empresários a operar em Angola, os de ordem logística e de pessoal, pois os portos (marítimos ou secos) e aeroportos manifestam-se insuficientes para acolher o volume de matéria-prima em circulação.

Outro constrangimento apontado por Samuel Jerónimo é a dificuldade em encontrar recursos humanos qualificados, cada vez mais caros, dado o crescimento acentuado dos sectores produtivos em Angola, derivando no excesso de procura das empresas e escassez de oferta de quadros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH