Macau: Lucro da Companhia de Electricidade de Macau aumentou 10,4 por cento em 2008

31 March 2009

Macau, China, 31 Mar – A Companhia de Electricidade de Macau obteve um lucro de 59,7 milhões de dólares (478 milhões de patacas) em 2008, mais 10,4 por cento do que em 2007, disse segunda-feira em Macau fonte da empresa à agência noticiosa portuguesa Lusa.

A mesma fonte adiantou que o lucro da eléctrica de Macau corresponde a ganhos de 434 milhões de patacas resultantes do contrato de concessão da produção e distribuição de electricidade em Macau e a 44 milhões de patacas de ganhos extraordinários.

Ao longo de 2008, a CEM investiu 718 milhões de patacas, o pico de consumo aumentou 12,3 por cento até 653,6 megawatts, as importações de electricidade do continente chinês cresceram 37,3 por cento para 66,5 por cento do consumo de energia no território e as receitas atingiram mais de 4.000 milhões de patacas, mais 18 por cento do que em 2007.

Apesar dos aumentos do preço dos combustíveis utilizados na produção de energia, a CEM manteve os tarifários, recorrendo a 117 milhões de patacas das provisões para a estabilização tarifária.

Mais de 80 por cento do capital da Companhia de Electricidade de Macau, criada em 1972, pertence a dois grupos com interesses da China, Portugal, França e Hong Kong.

O grupo sino-francês composto principalmente pela Suez e pela NWS Holdings Limited possui 42 por cento do capital e o grupo sino-português, em que a EDP – Energias de Portugal – detém a maior participação, possui igualmente 42 por cento.

O Governo da Região Administrativa Especial de Macau detém oito por cento do capital, a China Power International Holding Ltd seis por cento e os restantes dois por cento estão distribuídos por 800 accionistas locais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH