Cabo Verde: Transportadora aérea em falência técnica, diz presidente da TACV

2 April 2009

Praia, Cabo Verde, 2 Abr – A empresa TACV – Cabo Verde Airlines está em situação de “falência técnica”, tendo a respectiva administração pedido ao governo cabo-verdiano para tomar medidas para reestruturar a companhia.

A situação da empresa está contida numa carta que o presidente dos TACV enviou aos trabalhadores, em que explica a actual situação financeira e apresenta uma série de propostas para evitar a concretização da falência.

De acordo com António Neves, a empresa tem vindo a acumular “prejuízos sucessivos” ao longo dos anos o que levou à situação de falência técnica.

“A companhia só sobrevive porque tem acumulado dívidas em cima de dívidas. E também porque os seus credores vão fechando os olhos e nenhum deles pediu, até agora, o seu encerramento – leia-se falência”, afirma a carta, entretanto divulgada na imprensa local.

“Já tivemos crises sérias de abastecimento em aeroportos estrangeiros. Já tivemos que, in extremis, pagar taxas de rota e aeroportuárias para que pudéssemos levantar voo da Praia”, afirmou.

Para resolver a situação, o Conselho de Administração decidiu rever os diversos subsídios vigentes na empresa, prevendo também o fim do pagamento de horas extraordinárias quando estas não se justificam, sendo compensadas de outra forma.

António Neves propõe ainda a redução de custos através do congelamento de ingressos, da reestruturação de posições de chefia e da flexibilização dos horários.

Além das medidas internas, a administração da TACV está a negociar com o Governo o aumento do capital social e reescalonamento da dívida da empresa. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH