Moçambique: Sector privado recebe apoio do Banco Mundial

3 April 2009

Maputo, Moçambique, 3 Abr – O Banco Mundial vai conceder 25 milhões de dólares para o desenvolvimento do sector privado, aumento da competitividade empresarial e melhoria do ambiente de negócios nos termos de um documento assinado em Maputo com o governo de Moçambique.

De acordo com o jornal Notícias, de Maputo, o ministro da Planificação e Desenvolvimento, Aiuba Cuereneia, disse que ao abrigo do acordo está previsto o aumento do acesso aos serviços de aconselhamento para as pequenas e médias empresas.

O ministro disse também que o projecto prevê o apoio ao sector do Turismo em Inhambane, através do desenvolvimento e implementação da estratégia e respectivo plano de acção do turismo do Governo para aquela província.

Está também prevista a criação de um centro de formação em horticultura na província de Nampula, que terá como objectivo melhorar a qualidade e impulsionar a exportação de produtos da horticultura.

Um outro aspecto coberto pelo acordo é o fortalecimento da capacidade das instituições públicas e privadas que promovam a qualidade e padronização.

Por seu turno, Michael Baxter, director regional do Banco Mundial para Moçambique, Angola, Malawi, Zâmbia e Zimbabwe, disse que o acordo é consistente com a actual estratégia do banco para Moçambique, que tem como um dos seus pilares promover o crescimento sustentável e de base ampla, através da redução das barreiras para o início da actividade de negócios.

O director regional do Banco Mundial referiu ainda que a sua instituição pretende apoiar os esforços de promoção do desenvolvimento de recursos humanos a todos os níveis por via do fortalecimento das capacidades dos donos e gestores das pequenas e médias empresas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH