Angola: Preço do cimento poderá baixar a curto e médio prazos

15 April 2009

Luanda, Angola, 15 Abr – O preço do cimento e outros materiais de construção civil vão conhecer, a curto e médio prazos, uma baixa de preços a nível nacional devido ao aparecimento de novas unidades fabris, disse segunda-feira em Luanda o ministro da Indústria, Joaquim David.

Em declarações à agência noticiosa angolana Angop, à margem da Conferência Nacional de Habitação, Joaquim David disse que o Governo conta com um programa director para a revitalização e criação de pólos industriais, que deverão contribuir, em parte, para a resolução das
dificuldades habitacionais no país.

Disse que as apostas governamentais para o sector da indústria passam, entre outras acções, pela criação de iniciativas que deverão proporcionar o surgimento de novas fábricas de cimento, cerâmicas, ferragem e madeira, de modo a que os preços destas matérias baixem consideravelmente no mercado, a curto e médio prazos.

Participam no encontro, além de membros do Governo angolano, especialistas em construção civil e membros da sociedade civil, do corpo diplomático acreditado em Angola e governadores provinciais.

Promovida pelo Governo de Angola, a “I Conferência Nacional Sobre Habitação” insere-se na sua estratégia de implementação do programa Nacional de Urbanismo e Habitação e visa a recolha de opiniões para o êxito dos projectos do executivo no sector imobiliário. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH