Moçambique: Sasol aumenta produção de gás natural em Pande e Temane

16 April 2009

Maputo, Moçambique, 16 Abr – A empresa petroquímica sul-africana Sasol vai aumentar a produção de gás natural a partir de Pande e Temane, na província de Inhambane, na sequência da descoberta de novas reservas naquela área, informou o jornal Notícias, de Maputo.

Trabalhos adicionais realizados naqueles dois blocos permitiram a expansão da produção de 120 milhões para 183 milhões de gigajoules por ano, adianta o jornal, para acrescentar que o governo moçambicano aprovou uma proposta nesse sentido.

O jornal diz ainda ter obtido informações segundo as quais os 63 milhões de gigajoules adicionais a serem produzidos serão repartidos em 27 gigajoules para uma central eléctrica a ser construída em Moçambique, com capacidade para gerar 700 megawatts de energia eléctrica, outros 27 serão exportados para a África do Sul e os restantes nove destinam-se a vários outros projectos em Moçambique.

A comercialização deste gás será orientada por um acordo de vendas a ser celebrado entre os parceiros do consórcio Sasol Petroleum Temane (SPT), Companhia Moçambicana de Hidrocarbonetos (CMH) e Corporação Financeira Internacional (IFC), do grupo Banco Mundial, e os respectivos compradores.

O Notícias diz ainda notar-se um aumento considerável da procura de gás natural em Moçambique e na África do Sul, facto consubstanciado pelo interesse de vários investidores em envolver-se em novos projectos com base neste produto. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH