Moçambique: China quinto maior investidor no primeiro trimestre

29 April 2009

Maputo, Moçambique, 29 Abr – A China ocupou o quinto lugar na lista dos maiores investidores em Moçambique durante o primeiro trimestre, lista que foi liderada pela África do Sul, de acordo com dados do Centro de Promoção de Investimentos obtidos em Maputo pela macauhub.

No período, as empresas chinesas investiram em Moçambique 2,1 milhões de dólares e as sul-africanas 18 milhões de dólares tendo as empresas da Portugal, país que surge na segunda posição, investido 15,5 milhões de dólares.

O Centro de Promoção de Investimentos divulgou os dados dos 12 países que mais investiram em Moçambique surgindo em último lugar a Suécia cujas empresas investiram 100 mil dólares.

Na lista de maiores investidores referente ao primeiro trimetre de 2009 não constam países que sempre apareceram entre os dez maiores investidores, como os Estados Unidos da América.

Em 2008, a China saltou do sexto lugar que ocupou em 2007 para o segundo lugar na sequência de investimentos no valor de 76,8 milhões de dólares.

Fonte do CPI disse à macauhub que a instituição está a analisar propostas de investimentos de cerca de vinte empresas chinesas submetidas este ano.

Só no primeiro semestre de 2009 Moçambique foi palco da realização de dois seminários entre empresários moçambicanos e chineses em Maputo.

A China é um parceiro estratégico de Moçambique e tem estado envolvido principalmente no sector de infra-estruturas.

De referir que a Anhui Foreign Economic Construction Corporation, uma empresa chinesa, está a modernizar e expandir o aeroporto internacional de Maputo, uma empreitada orçada em 75 milhões de dólares.

O novo Estádio Nacional está a ser construído com apoio chinês e é também executado por uma empresa chinesa. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH