Macau: Governo concede cerca de 22 milhões de dólares para apoio ao turismo

14 May 2009

Macau, China, 14 Mai – O governo de Macau anunciou a concessão de 172,4 milhões de patacas (21,55 milhões de dólares) para impulsionar o desenvolvimento da indústria turística do território e atrair mais visitantes a Macau, segundo noticia a agência MacauNews.

A Direcção dos Serviços de Turismo (DST) anunciou quarta-feira que o plano, que começa a vigorar dia 18 de Maio, pretende ”estimular o turismo de lazer, turismo de negócios e o sector da aviação, para manter a tendência favorável de desenvolvimento e competitividade de Macau enquanto destino turístico internacional”.

O plano de apoio ao turismo de lazer, avaliado em cerca de 51,9 milhões de patacas (6,4 milhões de dolares) vai assegurar o fornecimento de um serviço gratuito de guias turísticos no centro Histórico de Macau, nomeadamente nas ruínas de S. Paulo e Largo do Senado.

Para estimular o turismo de negócios a DST vai investir 65 milhões de patacas (8,1 milhões de dólares) no apoio a reuniões e convenções, exposições e Incentivos (MICE).

No que toca ao sector da aviação o plano de apoio, avaliado em 35 milhões de patacas (4,3 milhões de dólares), prevê o apoio da DST “às companhias com sede em Macau e na abertura de novas rotas para Macau às 14 companhias aéreas que operam voos para Macau”.

O plano anunciado quarta-feira estabelece ainda uma verba de 2,5 milhões de dólares (20 milhões de patacas) no apoio à recuperação do turismo da província chinesa de Sichuan devastada por um tremor de terra há um ano.

Macau recebeu 5,4 milhões de visitantes no primeiro trimestre do ano, menos 9,6 por cento face ao mesmo período de 2008.

Em 2008 entraram em Macau 22,9 milhões de visitantes. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH