Moçambique precisa imediatamente de 120 milhões de dólares para financiar balança de pagamentos

15 May 2009

Dacar, Senegal, 15 Mai – Moçambique precisa de 120 milhões de dólares de imediato para financiar a sua balança de pagamentos, revelou o ministro do Desenvolvimento e Planificação de Maputo, Aiuba Cuereneia.

“Uma primeira avaliação do Governo sobre as necessidades imediatas para financiamento da balança de pagamentos de Moçambique estima em 120 milhões de dólares o valor necessário para garantir a estabilidade dos indicadores macroeconómicos”, disse Cuereneia, na assembleia-geral do Banco Africano de Desenvolvimento (BAfD), em Dacar.

Cerca de metade do Orçamento de Estado de Moçambique é financiado por um grupo de 19 países e instituições mas o impacto da crise financeira mundial no país agravou ainda mais a sua situação.

“No nosso caso, tivemos que reduzir as projecções no referente ao crescimento do PIB, em resultado do impacto directo da redução da procura das principais exportações de Moçambique, nomeadamente o alumínio, algodão, castanha de caju e produtos marinhos”, disse.

Entre 2000 e 2007, o país registou uma média de crescimento sempre acima de 8,5 por cento, caindo para 6,2 por cento em 2008, em resultado das inundações e de recorrentes quebras de energia.

Para 2009, o BAfd prevê um crescimento de 4,0 por cento, e de 5,2 por cento no próximo ano.

Na quarta-feira, também o Fundo Monetário Internacional (FMI) divulgou as suas previsões relativas a Moçambique, estimando um crescimento económico de 4,3 por cento em 2009, um dos melhores desempenhos do continente africano, apesar de 2,5 pontos percentuais abaixo do crescimento em 2008. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH