Moçambique: Países Baixos vão continuar a apoiar Moçambique

19 May 2009

Maputo, Moçambique, 19 Mai – Os Países Baixos vão ajudar Moçambique a ultrapassar os efeitos da crise financeira internacional, garantiu em Maputo o ministro holandês de Cooperação para o Desenvolvimento, Bert Koenders.

Os Países Baixos são um dos 19 países e organizações internacionais que apoiam Moçambique dando ajuda directa ao Orçamento de Estado tendo a sua contribuição em 2008 ascendido a 96 milhões de dólares.

No final de uma audiência com a primeira-ministra Luísa Diogo, Koenders disse que o governo holandês decidirá ainda este ano qual o nível de apoio necessário para que Moçambique ultrapasse os efeitos da crise financeira internacional.

O ministro sublinhou o empenhamento do governo holandês em que empresas dos Países Baixos invistam em Moçambique, com a sua delegação nesta visita a Moçambique a inlcuir representantes de 31 empresas que pretedem explorar as oportunidades oferecidas por Moçambique.

Durante uma palestra pública proferida na passada sexta-feira, Koenders manifestou a sua preocupação pelo “fosso crescente” entre ricos e pobres em Moçambique, de acordo com a folha informativa Canal de Moçambique.

O ministro holandês advertiu que Moçambique não está a fazer progressos suficientes quando aos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio estabelecidos pelas Nações Unidas em 2000, sendo necessário um “esforço extraordinário” para que aqueles objectivos possam ser alcançados até 2015. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH