Angola: Mota-Engil cria consórcio para mini-hídricas em Angola

20 May 2009

Lisboa, Portugal, 20 Mai – A Mota-Engil está a constituir um consórcio, com parceiros locais e internacionais, para concorrer ao plano de construção de mini-hídricas em Angola, disse Jorge Coelho, presidente executivo da construtora.

À margem da conferência Relações Económicas Portugal-Angola, Coelho adiantou que a Mota-Engil está também prestes a inaugurar uma fábrica de cerâmica em Angola, a Novicera, e vai ainda arrancar com um projecto na área da trefilaria( pregos, arames e redes de aço).

“Estamos a preparar a constituição de um consórcio para concorrer à área das mini-hídricas, com parceiros locais e internacionais, mas ainda não está fechado”, diz Jorge Coelho, para acrescentar que o “plano do Estado angolano é enorme e nós queremos concorrer a algumas”.

Angola representa 15 por cento do volume de negócios da maior construtora portuguesa, mas Jorge Coelho prevê que este valor aumente este ano, não adiantando, no entanto, para quanto.

A Mota-Engil está presente em Angola há 60 anos no sector da construção e mais recentemente nos serviços onde tem uma parceria com o BPA para os resíduos e águas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH