Moçambique: Moza Banco financiou 246 empresas no 1º trimestre

20 May 2009

Maputo, Moçambique, 20 Mai – O Moza Banco concedeu crédito a 246 empresas nos primeiros três meses do ano, disse à macauhub em Maputo Inácio Fernando, responsável pelo departamento de marketing do banco.

“Até final de Março tínhamos 720 clientes, dos quais 474 são particulares e 246 empresas”, disse Inácio Fernando, para acrescentar que os sectores da economia que mais financiamento receberam foram a indústria, com 34 por cento e o comércio por grosso com 33 por cento.

Falando sobre a expansão do banco, Inácio Fernando saientou que o balcão de “private banking” entrará em funcionamento até meados de Julho próximo na baixa da cidade de Maputo, até final do ano em Nampula e no primeiro trimestre de 2010 em Tete e Nacala.

O responsável pelo departamento de marketing do Banco Moza manifestou-se optimista quanto à evolução do sector bancário em Moçambique.

“As instituições financeiras estão bem capitalizadas, existem investimentos e resultados robustos e o sector tem grandes possibilidades de crescer se tomarmos em consideração que 95 por cento da população não está bancarizada”, disse.

Um outro factor, prosseguiu, tem a ver com as políticas económicas do Governo que visam conseguir um rápido crescimento económico baseado na economia de mercado com um sector privado forte pelo que “podemos esperar um aumento dos investimentos, criação do empregos e aumento das exportações”.

Inaugurado em Junho de 2008, o Moza Banco, instituição financeira que tem como accionistas um grupo de investidores moçambicanos reunidos na Moçambique Capitais (51 por cento), e a Geocapital (49 por cento) liderado pelo magnata de casinos do Macau, Stanley Ho, registou no primeiro trimestre de 2009 um lucro de 700 mil dólares. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH