Angola: Aeródromo do Sumbe reaberto oficialmente ao tráfego aéreo

25 May 2009

Sumbe, Angola, 25 Mai – O aeródromo do Sumbe, província do Quanza Sul, foi reaberto oficialmente sábado ao tráfego aéreo de aviões de pequeno e médio porte, depois de ter sido recuperado e construída uma nova pista asfáltica com 1020 metros de comprimento e 20 de largura.

O director técnico da empresa Noráfrica, encarregue da obra, Victor Veloso dos Santos, sublinhou que os trabalhos cingiram-se à colocação de do novo tapete asfáltico bem como a construção de uma rampa para abastecimento das aeronaves.

O coordenador do projecto da direcção de Infra-estruturas da Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e Navegação Aérea (Enana), Nataniel dos Santos Domingos, garantiu que a pista está em condições para receber os aviões de pequeno e médio porte.

“Depois desta intervenção ao nível civil nós faremos outra que se prende com a balizagem da pista ( iluminação ) para estar em condições de funcionar até de noite”, disse.

Nataniel Domingos sublinhou que será igualmente construído um novo terminal de passageiros.

Construído entre 1950 e 1951, o aeródromo local atingiu o seu auge na década de 80 com voos regulares da Transportadora Aérea Angolana (Taag) a ligar as cidades de Luanda, Sumbe, Wako Kungo (Quanza Sul) e Benguela.

Actualmente apenas escala a cidade do Sumbe a operadora Sonair, fazendo a rota Luanda/Sumbe/Benguela e para o interior da província do Quanza Sul. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH