Grupo sul-africano Sahara inicia montagem de computadores em Moçambique

23 June 2009

Maputo, Moçambique, 23 Jun – O grupo sul-africano Sahara inicia este mês a montagem de computadores em Moçambique que serão vendidos ao preço médio de 10 mil meticais (cerca de 377 dólares).

Comercializados sob a marca Dzowo, designação da família de Eduardo Mondlane, primeiro presidente da Frente de Libertação de Moçambique, numa das línguas do sul do país, os computadores serão montados no que foi classificado de primeiro centro de desenvolvimento tecnológico de Moçambique com uma capacidade inicial para montar 11.520 computadores portáteis e de mesa por ano.

A Sahara, especializada no fabrico e montagem de computadores, tem sede na cidade sul-africana de Joanesburgo e detém escritórios, centros de investigação e desenvolvimento na Grã-Bretanha, China, Emiratos Árabes Unidos, Índia, Botsuana, Namíbia e Quénia.

A partir do próximo ano, a transnacional prevê montar anualmente 19.200 computadores em Moçambique, uma produção em larga escala visando facilitar o acesso dos aparelhos aos moçambicanos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH