Endividamento do sector privado de Moçambique junto da banca aumentou no 1º trimestre

6 July 2009

Maputo, Moçambique, 6 Jul – O endividamento do sector privado de Moçambique junto do sector bancário aumentou em 4457,6 milhões de meticais (168 milhões de dólares) no primeiro trimestre do ano, informou o Banco de Moçambique na sua análise sobre os preços e conjuntura financeira.

De acordo com o documento do banco central, citado pelo jornal Notícias, de Maputo, a dívida total do sector privado para com as instituições financeiras a operar em Moçambique está agora estimada em cerca de 49,500.7 milhões de meticais (1852 milhões de dólares).

O banco de Moçambique refere que a expansão do endividamento do sector privado no período em análise decorreu tanto do pedido feito aos bancos em moeda estrangeira – cerca de 52 milhões de dólares (equivalente a 2.677,6 milhões de meticais) – bem como dos aumentos dos empréstimos em moeda nacional, estimada em 1.780 milhões de meticais.

Na sua análise sobre os preços e conjuntura financeira no primeiro trimestre, o Banco de Moçambique indica ainda que o endividamento do sector privado foi principalmente devido à solicitação de crédito para as áreas do comércio (25,2 por cento do total do crédito concedido), indústria (17,9 por cento) e para actividades particulares (17,4 por cento).

“Os sectores da agricultura e da indústria do turismo registaram no primeiro trimestre um decréscimo de crédito da ordem de 3,6 e 6 pontos percentuais, respectivamente, face ao verificado no período homólogo de 2008”, refere o banco central na sua análise recentemente divulgada. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH