PIB de Angola cresceu a uma média de 9 por cento nos últimos 19 anos

5 October 2009

Luanda, Angola, 5 Out – O Produto Interno Bruto de Angola cresceu, nos últimos 19 anos, a uma taxa média anual de nove por cento, disse sexta-feira em Luanda, o ministro da Economia, Manuel Nunes Júnior.

Segundo Manuel Júnior, que discursava na cerimónia de apresentação do estudo “Banca em Análise em Angola 2009”, nos últimos cinco anos, fruto da paz alcançada em 2002, o país tem vindo a registar uma notável aceleração do crescimento económico a uma taxa média anual de, aproximadamente, 17,4 por cento.

O ministro afirmou que tal crescimento da economia representa, em termos absolutos, a duplicação do Produto Interno Bruto neste reduzido espaço de tempo (cinco anos).

“Este crescimento não é devido apenas à expansão do sector petrolífero. Desde 2006 até hoje, o PIB não-petrolífero tem crescido a um ritmo superior ao do sector dos petróleos, constituindo um sinal positivo do processo de diversificação da economia angolana”, elucidou o governante.

Manuel Júnior disse que essa trajectória de crescimento foi seriamente perturbada no decurso deste ano (2009), em consequência da crise económica e financeira que se faz sentir em todo o mundo.

Informou também que, devido à crise, os termos de troca da economia angolana foram seriamente afectados, pois as receitas fiscais petrolíferas caíram acentuadamente e quantidade de divisas ao dispor da economia diminuiu de modo significativo.

Recordou aos presentes que o preço do barril de petróleo no mercado internacional, que entre os meses de Julho e Agosto de 2008 se encontrava no intervalo entre 130 e 140 dólares caiu de forma acentuada e atingiu os níveis de 30 dólares em Fevereiro deste ano. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH