Governo de Moçambique pretende construir nova linha de caminho-de-ferro

12 October 2009

Maputo, Moçambique, 12 Out – Um nova linha férrea de aproximadamente 2 mil quilómetros, incluíndo pontes e 6400 quilómetros de estradas associadas, poderá entrar em funcionamento dentro de 14 anos ligando Moçambique inteiro, informou o jornal Notícias, de Maputo.

O empreendimento, englobado na Estratégia para o Desenvolvimento Integrado do Sistema de Transportes, é estimado em mais de 11 mil milhões de dólares, tendo sido aprovado pelo Conselho de Ministros em Maio passado.

Fonte do Ministério dos Transportes e Comunicações disse ao jornal que o projecto deverá arrancar com as actividades de planeamento espacial, definição do traçado da ferrovia, pontes e estradas, para além do desenvolvimento de algumas acções de concertação social e ambiental.

A execução da estratégia está fixada entre 2009-2023, sendo que a linha férrea deverá custar 5 mil milhões de dólares com os restantes 6 mil milhões a serem gastos na construção de estradas e pontes, de acordo com o Plano Operacional Global do sector.

Com este programa pretende-se criar o chamado corredor de desenvolvimento, para facilitar a planificação e gestão integrada, com o qual o transporte ferroviário interage com os portos, vias rodoviárias e os investimentos âncoras na sua área de influência. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH