Primeiro-ministro de Cabo Verde quer maior cooperação com o Brasil na área de energia e finanças

14 October 2009

Brasília, Brasil, 14 Out – O primeiro-ministro de Cabo Verde defendeu terça-feira, em Brasília, uma maior cooperação na área energética e abertura de linhas de crédito, durante um encontro com o Presidente brasileiro, Lula da Silva.

“Queremos incrementar a participação do Brasil nos sectores da construção civil e das energias fósseis e renováveis”, afirmou à agência noticiosa portuguesa Lusa José Maria Neves, em visita oficial ao Brasil, acompanhado pela ministra das Finanças, Cristina Duarte.

O mesmo interesse foi expresso também ao ministro das Relações Exteriores do Brasil, Celso Amorim, que recebeu José Maria Neves para um almoço no seu Ministério.

Outro tema tratado nos encontros das autoridades dos dois países foi a reconversão da dívida de Cabo Verde ao Brasil em projectos de investimentos na área de educação.

A dívida de quatro milhões de dólares remonta a 1983 e decorreu de um empréstimo concedido pelo Banco do Brasil para a modernização das telecomunicações cabo-verdianas.

Já houve um acordo, no ano passado, para a reconversão dessa dívida e o projecto está a tramitar agora no Congresso Nacional.

O incremento do comércio bilateral, que tem registado um crescimento significativo nos últimos anos, também foi destaque na agenda do primeiro-ministro Cabo Verde.

José Maria Neves acredita ser importante que os dois Governos continuem a insistir na necessidade de os empresários investirem em linhas de transporte marítimo regulares entre os dois países.

De 2003 a 2008, as trocas comerciais entre o Brasil e Cabo Verde saltaram de nove milhões de dólares para 39,6 milhões de dólares e estes números podem ser ainda maiores se for considerado o comércio informal bilateral, que é muito forte, especialmente com o Ceará. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH