Empresa belga vai produzir óleo de palma em São Tomé e Príncipe

22 October 2009

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 22 Out – O governo de São Tomé e Príncipe assinou quarta-feira com a empresa belga Agripalma um contrato de investimento para a recuperação de um palmar na zona sul da ilha e a plantação de um outro no norte da ilha do Príncipe.

O projecto, intitulado de “desenvolvimento regional integrado agro-industrial”, consiste na recuperação, renovação e plantação de novas palmeiras numa área de 3.500 hectares, para uma produção de óleo de palma estimada em 520 toneladas por dia.

A Agripalma, que projecta investir 75 milhões de dólares neste projecto, antecipa começar a exportar as primeiras produções de óleo de palma dentro de cinco anos.

O acordo prevê a instalação de duas unidades fabris, sendo uma em Ribeira Peixe, no sul da ilha de São Tomé, e outra na empresa Sundy, no norte da ilha do Príncipe. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH