Banco Africano de Desenvolvimento concede crédito a Moçambique para infra-estruturas

27 October 2009

Maputo, Moçambique, 27 Out – O Banco Africano de Desenvolvimento vai conceder um crédito de mais de 200 milhões de dólares a Moçambique para o sector de infra-estruturas nas províncias de Nampula, Gaza e Niassa, no âmbito de um acordo assinado sexta-feira.

O acordo prevê um financiamento de mais de 158 milhões de dólares para a reconstrução da estrada Nampula-Cuamba, no norte de Moçambique, uma via com 250 quilómetros.

Está também prevista a concessão de cerca de 27 milhões de dólares para projectos de abastecimento de água e saneamento para as cidades de Lichinga e Cuamba, igualmente no norte de Moçambique.

O terceiro financiamento destina-se às obras de emergência da barragem de Massingir, no valor de pouco mais de 19 milhões de dólares, que irá beneficiar cerca de 17 mil camponeses e pescadores.

Falando após a assinatura do acordo de financiamento com o BAD, o ministro da Planificação e Desenvolvimento moçambicano, Aiuba Cuereneia, afirmou que “com os recursos hoje garantidos será possível ao Governo prosseguir imediatamente com o desenvolvimento de projectos prioritários nas áreas beneficiadas pelo crédito”.

Por seu turno, a representante do BAD em Moçambique, Alice Hamer, afirmou que a canalização de verbas para as áreas de abastecimento de água, agricultura e estradas no quadro do entendimento celebrado terá “um contributo decisivo para o desenvolvimento de Moçambique”. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH