Orçamento de Timor-Leste para 2010 dá prioridade às infra-estruturas

28 October 2009

Díli, Timor-Leste, 28 Out – As prioridades do Orçamento de Estado para 2010 do governo de Timor-Leste são o abastecimento de água e a rede de estradas, a produtividade agrícola e a formação profissional, anunciou terça-feira em Díli a Secretaria de Estado do Conselho de Ministros.

De acordo com Ágio Pereira, secretário de Estado do Conselho de Ministros e porta-voz do governo liderado por Xanana Gusmão, a maior fatia do orçamento vai ser aplicada na reconstrução de estradas e abastecimento de água às populações dos distritos, estimando-se que venham a ser despendidos 96,1 milhões de dólares, com o que o governo espera estimular as economias locais, fortalecer o sector privado e criar oportunidades de emprego.

A proposta de Orçamento para 2010, que vai ser apresentada à Comissão Parlamentar de Economia, Finanças e Combate à Corrupção pela ministra da Finanças, Emília Pires, antes da discussão em plenário, confirma cortes nas despesas de vários ministérios.

A proposta prevê um total de despesas do Estado em 2010 de 637 milhões de dólares, o que representa uma redução de 44 milhões de dólares (6,9 por cento) comparativamente ao total em 2009.

As receitas não-petrolíferas são estimadas em 87,3 milhões de dólares e o défice fiscal em 549,6 milhões de dólares, devendo ser coberto através do fundo petrolífero e de reservas monetárias.

Os parceiros de desenvolvimento deverão contribuir com um total de 199 milhões de dólares correspondendo a 23,8 por cento do total do Orçamento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH