Comissão Europeia diz que PIB de Portugal sofrerá uma contracção de 2,9 por cento este ano

4 November 2009

Bruxelas, Bélgica, 4 Nov – A Comissão Europeia reviu terça-feira em alta as taxas de crescimento da economia de Portugal para menos 2,9 por cento este ano, 0,3 por cento em 2010 e 1 por cento em 2011, de acordo com as suas Previsões de Outono.

Nas Previsões da Primavera, divulgadas a 4 de Maio, Bruxelas antecipava contracções de 3,7 por cento este ano e de 0,8 por cento em 2010.

A taxa de desemprego em Portugal deverá atingir 9 por cento este ano e manter o mesmo valor em 2010, de acordo com as previsões económicas de Outono da Comissão Europeia, mais optimistas do que as da Primavera, quando se antecipava 9,1 por cento este ano e de 9,8 por cento em 2010.

Em relação ao défice orçamental português em percentagem do PIB, a Comissão Europeia estima uma quebra acentuada depois da taxa de 2,6 por cento em 2008, para 8 por cento em 2009 e em 2010, subindo para 8,7 por cento em 2011.

Nas previsões da Primavera, Bruxelas antecipava um défice orçamental de menos 6,5 por cento em 2009 e menos 6,7 por cento em 2010.

No documento, Bruxelas mantém basicamente as previsões para o recuo do PIB este ano (-4,1 por cento na União Europeia a 27 e -4 por cento na Zona Euro), mas estima que em 2010 já se assista a um crescimento de 0,7 por cento, tanto na conjunto da União como no espaço monetário único, que será de 1,5 e 1,6 por cento, respectivamente, em 2011. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH