Cidade do Cabo oferece garantias para rentabilidade dos voos da companhia aérea de Angola Taag

11 November 2009

Cidade do Cabo, África do Sul, 11 Nov – O coordenador-adjunto da Comissão de Refundação da companhia aérea angolana Taag, Rui Carreira, disse segunda-feira na Cidade do Cabo que a nova rota inaugurada pela empresa abre grandes perspectivas comerciais para a empresa.

De acordo com Rui Carreira, que falava após a chegada do primeiro voo da companhia à Cidade do Cabo, disse ainda que a rota poderá contribuir para o sucesso da Taag, tendo em conta o facto daquela cidade sul-africana servir de placa giratória quer para a Europa como para o continente americano.

E salientou que muitos trabalhadores das companhias petrolíferas que operam em Angola utilizam a Cidade do Cabo como ponto de trânsito para os seus países de origem.

“O Cabo é também um grande destino turístico e agrega já uma vasta comunidade angolana, estimada em mais de cinco mil pessoas, pelo que achamos que esta rota irá ter êxito comercial”, sublinhou.

Para já, a companhia angolana vai voar com duas frequências semanais, às segundas e sextas-feiras, reafirmou Carreira, acrescentando que vão continuar a estudar a rota para ver qual será o seu comportamento e a capacidade de resposta da Taag e, se for caso disso, tomar outras medidas.

Nesta primeira fase, os voos da Taag serão efectuados por aeronaves do tipo Boeing 737-700, com capacidade de 120 lugares, 12 em classe executiva e 108 passageiros para a económica.

Actualmente a companhia aérea angolana realiza voos para vários destinos no mundo, entre os quais Rio de Janeiro e São Paulo (Brasil), Lisboa (Portugal), Dubai (Emiratos Árabes Unidos), Pequim (China), Joanesburgo, Cidade do Cabo, Lusaka, Harare, Kinshasa. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH