Grupo empresarial de Angola investe em fábrica de processamento e transformação de produtos horto-frutícolas

25 November 2009

Chibia, Angola, 25 Nov – O grupo empresarial angolano Admar Damião vai investir 4 milhões de dólares na construção de uma fábrica de processamento e transformação de produtos horto-frutícolas na província da Huíla, de acordo com a agência noticiosa angolana Angop.

A directora provincial da Indústria, Paula Baptista Joaquim, disse à Angop que o projecto, a 45 quilómetros a sul da cidade do Lubango, província da Huíla, visa evitar que os produtos agrícolas produzidos na região se deteriorem por falta de escoamento.

Sem precisar a sua capacidade de produção, aquela responsável disse que o estabelecimento industrial vai nomeadamente produzir sumos, polpa de fruta, fruta em calda e produtos hortícolas enlatados.

A agência cita especialistas para afirmar que o projecto afigura-se viável já que a barragem das Ganjelas e o seu perímetro irrigado estão a ser recuperados, o que vai permitir intensificar e diversificar a produção a ser transformada na fábrica.

Com uma população estimada em 131 mil habitantes, o município da Chibia possui três panificadoras e 12 minas de exploração de rochas ornamentais. A fábrica de transformação de horto-frutícolas será a primeira unidade fabril do género a ser instalada no município.

A província da Huíla possui 51 fábricas, entre as quais panificadoras, de moagem, de materiais de construção, rações, bebidas/refrigerantes, do ramo alimentar e de transformação de metais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH