Companhia Moçambicana de Hidrocarbonetos distinguida como a melhor empresa do ano de Moçambique

11 December 2009

Maputo, Moçambique, 11 Dez – A Companhia Moçambicana de Hidrocarbonetos (CMH) foi distinguida como a melhor empresa de Moçambique em 2008, anunciou quinta-feira a empresa de consultadoria KPMG, na apresentação do relatório anual das 100 maiores empresas de Moçambique.

A CMH, criada a 26 de Outubro de 2000, é uma subsidiária da Empresa Nacional de Hidrocarbonetos, mas com parte do capital disperso em bolsa e detido por privados, e tem como principal objecto de actividade o desenvolvimento de operações na área de petróleo e gás natural dos campos de gás de Pande e Temane.

Para a classificação da “Melhor Empresa 2008” foram listados vários indicadores económico-financeiros, apurada a melhor posição em cada um deles e distinguida a empresa que obteve a maior pontuação no somatório.

A Companhia Moçambicana de Hidrocarbonetos foi a eleita, com um forte crescimento do volume de negócios entre 2007 e 2008, que mais do que duplicou, passando de 551,94 milhões de meticais para cerca de 1.345,58 milhões de meticais.

A seguir, nesta lista das melhores, ficaram a Ferro Moçambique, a Cornelder, a Construa e a Ferpinta Moçambique.

No estudo da KPMG, a fundição de alumínio Mozal lidera a lista das 100 maiores empresas de Moçambique, lugar que mantém há vários anos, tendo sido também a que obteve maior lucro em 2008. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH