Exportações de petróleo de Angola mantêm-se acima de 1,8 milhões de barris diários em Fevereiro

18 December 2009

Londres, Grã-Bretanha, 18 Dez – As exportações de petróleo angolanas vão manter-se acima de 1,8 milhões de barris diários em Fevereiro, apesar de um recuo ligeiro face ao mês anterior, de acordo com as previsões de exportação das operadoras de blocos no país.

As previsões divulgadas quinta-feira, que incluem petrolíferas como BP, Chevron e Exxon Mobil, apontam para 1,816 milhões de barris diários a exportar no segundo mês de 2010, um total de 50,8 milhões de barris.

Em Janeiro, a previsão é de 57,5 milhões de barris, 1,856 milhões de barris por dia, bem acima da quota atribuída a Angola pela Organização de Países Exportadores de Petróleo.

De acordo com Angola, a quota é actualmente de 1,656 milhões de barris, mas os cálculos de alguns analistas de mercado citados pela Bloomberg apontam para apenas 1,517 milhões de barris.

As exportações angolanas recuaram em Novembro e em Dezembro, quando ficaram em 1,76 milhões de barris.

Segundo o ministro dos Petróleo, Botelho de Vasconcelos, Angola tem reservas de petróleo que permitem manter uma produção diária de 1,9 milhões de barris/dia durante 15 anos.

As reservas petrolíferas que garantem os actuais níveis de produção e capacidade extractiva em Angola apontadas por Botelho de Vasconcelos, também presidente em exercício da OPEP, são de 13,1 mil milhões de barris.

O sector petrolífero angolano, graças à quebra imposta pela OPEP na produção e o decréscimo no preço levou a que, entre 2007 e 2008, passou de uma contribuição no PIB de 58,3 para 38,9 por cento.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH