Moçambique aprova 78 projectos de investimento até Setembro de 2009 e Índia ultrapassa África do Sul

8 January 2010

Maputo, Moçambique, 8 Jan – O Centro de Promoção de Investimentos (CPI) de Moçambique aprovou até ao final de Setembro passado 78 projectos de investimento privado avaliados em 677,5 milhões de dólares, de acordo com o jornal O País.

Os dados do CPI revelam ainda que os projectos estrangeiros, contando com empréstimos, representam mais de 60 por cento do valor global de investimentos.

A província de Sofala foi a que mais investimentos obteve no período em análise, tendo o CPI aprovado 8 projectos, de cerca de 300 milhões de dólares.

A província e cidade de Maputo aparecem a seguir com investimentos avaliados em cerca de 200 milhões de dólares.

Segundo os dados do CPI, a Índia foi o país com maior volume de Investimento Directo Estrangeiro (IDE) aprovado em Moçambique, até Setembro de 2009, deixando para trás a hegemonia da África do Sul, que desde há quatros anos tem sido o maior investidor estrangeiro no país.

Países como Ilhas Maurícias, Portugal, China e Reino Unido continuam a destacar-se na lista dos investidores estrangeiros em Moçambique, sendo que a África do Sul não conseguiu passar da sétima posição.

Os investimentos aprovados pelo CPI podem criar até 5755 novos postos de trabalho, quando passarem para a fase de execução dos projectos e os dados apontam para que a cidade e província de Maputo beneficiarão do maior número de empregos criados, com cerca de 40 por cento do total. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH