Primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe pretende portuguesa Galp Energia na exploração de hidrocarbonetos

9 February 2010

Lisboa, Portugal, 9 Fev – O primeiro ministro de São Tomé e Príncipe, Rafael Branco, defendeu segunda-feira, em Lisboa, a participação da Galp Energia na exploração de hidrocarbonetos na Zona Económica Exclusiva do seu país.

“O governo de São Tomé e Príncipe desejaria muito que a Galp participasse” no processo de exploração de hidrocarbonetos, no âmbito do leilão de blocos que vai ser lançado até ao final de Março, disse Rafael Branco.

“Já temos todos os trabalhos preparatórios concluídos. Vamos iniciar negociações com algumas empresas que têm direitos na nossa Zona Económica Exclusiva para que, quando decorrer o leilão, a zona esteja livre de quaisquer comprometimentos”, adiantou.

Ainda sobre a participação da Galp Energia na exploração de hidrocarbonetos na ZEE são-tomense, Rafael Branco disse que espera concluir todas as negociações antes de regressar, dentro de cerca de uma semana, ao seu país.

Rafael Branco chegou no passado fim-de-semana a Portugal para uma visita de trabalho de uma semana. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH