Investidores irão aplicar este ano mais de 1300 milhões de dólares no sector extractivo de Moçambique

18 February 2010

Nampula, Moçambique, 18 Fev – O sector mineiro e de hidrocarbonetos de Moçambique vai receber este ano investimentos de mais de 1300 milhões de dólares, de acordo com previsões avançadas quarta-feira pela ministra dos Recursos Minerais, Esperança Bias.

A ministra falava em Nampula, norte de Moçambique, num seminário sobre o tema “Desenvolvimento de Recursos Extrativos: Desafios, Oportunidades e Responsabilidade Social Corporativa”, promovido pelo Ministério dos Recursos Minerais, em parceria com o Alto Comissariado do Canadá no país.

Segundo a ministra, na área mineira o governo conta atualmente com um total de 1084 títulos mineiros em vigor, sendo 130 concessões mineiras, 852 licenças de prospecção e pesquisa, 85 certificados mineiros e 17 licenças de reconhecimento. O investimento nesta área será de 950 milhões de dólares.

Na área dos hidrocarbonetos, adiantou Esperança Bias, existem atualmente 11 contratos de concessão para prospeção, pesquisa e produção, cujos investimentos rondam os 418 milhões de dólares.

No âmbito do encontro, que encerra hoje, a ministra destacou dos projectos em curso a reavaliação das reservas para reabertura das minas de cobre da província de Manica, o projecto de carvão de Benga (província de Tete) e a pesquisa de areias pesadas em Inhambane. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH