Empresário investe em transformação de pescado em Angola

25 February 2010

Lisboa, Portugal, 25 Fev – Uma fábrica de transformação de pescado será construída, a curto prazo, em Angola, pela empresa portuguesa “Moreira Congelado”, constituída há 33 anos por um angolano, informou a agência noticiosa angolana Angop.

No decurso do Salão Internacional de Vinho, Pescado e Agro-Alimentar – Sisab 2010, o director comercial da firma, Osvaldo Moreira, referiu que o investimento projectado para Angola incluirá a criação de câmaras frigoríficas, uma frota de camiões, recrutamento e formação de quadros angolanos.

Segundo o gestor, o objectivo da empresa, criada pelo seu pai, é desenvolver a actividade nas províncias do Namibe e Benguela e aproveitar as potencialidades dos recursos humanos angolanos.

De acordo com Osvaldo Moreira, nesta altura a empresa já estabeleceu contactos com empresários angolanos, interessados em fazer parceria para a criação do negócio de produtos congelados em Angola.

Sobre o SISAB, o responsável referiu que a maior montra de produtos portugueses destinados à exportação é uma excelente oportunidade para dinamizar a internacionalização da empresa com realização de investimentos, sobretudo em Angola.

Com facturação anual de 10 milhões de euros, a empresa portuguesa de congelados, detida por angolanos, emprega 100 trabalhadores e está presente em 33 países. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH