Moza Banco, de Moçambique, com lucro de 2,2 milhões de dólares em 2009

26 March 2010

Maputo, Moçambique, 26 Mar – O Moza Banco, uma instituição financeira com capitais moçambicanos e do magnata de casinos do Macau, Stanley Ho, obteve um lucro de 2,2 milhões de dólares em 2009, afirmou quinta-feira em Maputo o administrador delegado da instituição.

Em comunicado, Inaete Merali disse que o resultado “comprova a solidez financeira do Moza Banco, resultado da confiança demonstrada pelos clientes” e acrescentou “que se traduziu num rácio de solvabilidade de 32,53 por cento, acima dos 8 por cento cento recomendados pelo Banco de Moçambique”.

Os accionistas do Moza Banco deverão este ano proceder a um aumento do capital social, a fim de permitir à instituição materializar os seus planos de expansão da rede de balcões e abranger potenciais clientes localizados fora da província de Maputo, tal é o caso de Nampula, Nacala, Matola, Tete, entre outros.

O Moza Banco foi fundado a 16 de Junho de 2008 e tem como accionistas a Moçambique Capitais, liderado por Prakash Ratilal, antigo governador do Banco de Moçambique com 51 por cento e a Geocapital com 49 por cento com capitais de Portugal e de Macau liderados por António Almeida Santos, presidente do Partido Socialista e antigo presidente da Assembleia da República e o magnata de Macau, Stanley Ho.

Mesmo antes de completar um ano após a sua criação, o Moza Banco logrou obter um lucro de 700 mil dólares (entre Dezembro de 2008 e Fevereiro de 2009).

O Moza Banco está vocacionado à prestação de serviços nas áreas de agricultura, biocombustíveis e energia e aos projectos visando o desenvolvimento do Vale do Zambeze. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH