Moçambique vai construir 600 quilómetros de estradas em 2010

15 April 2010

Maputo, Moçambique, 15 Ab – O governo moçambicano vai construir cerca de 600 quilómetros de estradas durante o corrente ano num programa que inclui ainda a edificação de novas pontes e a reabilitação e manutenção de outras vias de acesso, anunciou o presidente do Conselho de Administração do Fundo de Estradas, Francisco Pereira.

O jornal Notícias escreve hoje que Francisco Pereira disse que em 2010 serão construídas, entre outras, as estradas que ligam Lichinga e Pemba, Nampula e Cuamba, Chimoio e Sussundenga e Caniçado a Chicualacuala.

O programa de novas estradas e melhoria de outras redes viárias representa um investimento de quatro mil milhões de dólares até 2014.

Moçambique tem uma rede classificada de 30 mil quilómetros de estradas. Destas, apenas cerca de oito mil são asfaltadas, sendo o resto de terra batida.

Francisco Pereira disse ainda que entre 2007 e 2009 estava previsto gastar mil milhões de dólares, para todo o plano de obras, mas em consequência da subida dos preços de combustíveis e materiais de construção apenas foi possível concretizar 70 por cento do planeamento.

O responsável do Fundo de Estradas considerou, no entanto, que nos três anos foram feitas grandes obras, como, por exemplo, a ponte Armando Guebuza, de Guijá, de Lugela, de Moamba, da Ilha de Moçambique, entre outras.

“Em termos de estradas foram asfaltados cerca de três mil quilómetros em várias províncias” disse.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH