Estatal chinesa pretende investir na produção de soja no Brasil

23 April 2010

São Paulo, Brasil, 23 Abr – A empresa estatal chinesa Chongqing Grain Group pretende investir 300 milhões de dólares na compra de 100 mil hectares de terreno no estado brasileiro da Bahia a fim de produzir soja para os mercados brasileiro e chinês, noticiou a imprensa brasileira.

Este projecto tem financiamento do Banco de Desenvolvimento da China, que comparticipará com 60 por cento do total, sendo o restante desembolsado pela empresa, ligada ao município de Chongqing.

A imprensa brasileira adianta que representantes da empresa permanecem no Brasil em busca de parceiros locais, sendo objectivo finalizar a aquisição do terreno até Julho próximo e dar início ao processo que conduzirá à produção de 250 mil toneladas de soja por ano.

Uma reportagem publicada recentemente no jornal Chongqing News, ligado ao governo do município, indicava que a área cultivada poderá alcançar numa segunda etapa 200 mil hectares, com investimento total de 842 milhões de dólares.

O interesse por parte de empresas chinesas na compra de terras para plantar soja no Brasil cresceu nos últimos meses, especialmente depois da aprovação pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados do projecto que limita a 1140 hectares o tamanho das propriedades rurais que podem ser compradas por estrangeiros na Amazônia Legal, área que abrange os estados de Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima, Mato Grosso, Pará, Amapá, Tocantins e parte do Maranhão.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH