Banco Africano de Desenvolvimento vai financiar pólos de desenvolvimento em Cabo Verde

30 April 2010

Praia, Cabo Verde, 30 Abr – O Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) vai apoiar financeiramente vários projectos incluídos nos quatro pólos de desenvolvimento que Cabo Verde quer ver criados no arquipélago, garantiu quinta-feira na Praia a ministra das Finanças cabo-verdiana.

Numa conferência de imprensa conjunta com o presidente do BAD, Cristina Duarte disse ter apresentado a Donald Kaberuka, que cumpriu quinta-feira o último acto oficial da visita ao arquipélago, a “visão de desenvolvimento” a que Cabo Verde pretende dar corpo “para uma nova descolagem no processo de construção económica” do país.

“Temos quatro pólos de desenvolvimento: o Céu (infra-estruturas aeroportuárias), o Mar (infra-estruturas marítimas), as novas tecnologias de informação e comunicação e o desenvolvimento do sistema financeiro”, sintetizou.

Segundo Cristina Duarte, os dois últimos pólos estão ainda a ser orçamentados e os dois primeiros, na infra-estruturação aeroportuária e na marítima, estão orçados em 800 milhões de euros, repartidos em partes iguais pelas empresas nacionais de Administração dos Portos (Enapor) e de Aeroportos e Segurança Aérea (Asa).

O conjunto de projectos existentes com o BAD totaliza 98 milhões de unidades de conta (UC- cerca de 110,38 milhões de euros) para o período 2009-2013, incluindo, entre eles, os da expansão do aeroporto da Praia e o pólo de desenvolvimento Céu.

Desde 1977, altura em começou a cooperação efectiva, o BAD aprovou 39 operações para Cabo Verde, num montante líquido aproximado de 164,28 milhões de UC (cerca de 185 milhões de euros). (macauhub)

MACAUHUB FRENCH