Comércio entre a China e países de língua portuguesa quase duplicou no primeiro trimestre

30 April 2010

Macau, China, 30 Abr – O comércio entre a China e os países de língua portuguesa cifrou-se em 17 279 milhões de dólares no primeiro trimestre, um aumento homólogo de 93,82 por cento, de acordo com dados dos Serviços de Alfândegas da China.

No período, a China importou dos oito países de língua portuguesa bens no montante de 11 835 milhões de dólares (um aumento homólogo de 120 por cento) e exportou mercadorias no valor de 5 443 milhões de dólares (mais 54 por cento).

O Brasil, com um comércio com a China no montante de 10 175 milhões de dólares – dos quais 5 800 milhões de dólares resultaram de vendas à China (mais 78,20 por cento) – manteve-se como o principal parceiro de língua portuguesa da China.

Da China para o Brasil seguiram produtos no valor de 4 375 milhões de dólares, uma subida de 71,20 por cento face ao primeiro trimestre de 2009.

Angola é o segundo maior parceiro chinês no âmbito dos países de língua portuguesa, tendo registado trocas comerciais no valor de 6 309 milhões de dólares no primeiro trimestre, mais 144,40 por cento em relação a igual período de 2009 e correspondendo a vendas angolanas de 5 850 milhões de dólares e vendas da China de 459 milhões de dólares.

Portugal concretizou negócios com a China de 643,5 milhões de dólares – dos quais 494,4 milhões de dólares de compras à China e 149 milhões de dólares de vendas – o que representa um aumento de, respectivamente, 19,6 por cento e de 76,10 por cento face ao primeiro trimestre de 2009. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH