Grupo brasileiro Açúcar Guarani antecipa previsão de processamento de cana, que inclui fábrica de Moçambique

28 May 2010

São Paulo, Brasil, 28 Mai – O grupo brasileiro Açúcar Guarani informou quarta-feira estar a prever o processamento de 17,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na campanha 2010/2011, de acordo com a imprensa brasileira.

No decurso de uma conferência com analistas, o grupo informou ainda que a previsão abrange as produções do Brasil e de Moçambique (Companhia do Sena) e que já inclui a empresa Vertente, que deverá responder pelo processamento de 1,8 milhões de toneladas do total previsto.

O grupo adquiriu em Fevereiro passado ao grupo Humus 50 por cento do capital da Vertente, empresa que está localizada na mesma região onde se encontram as cinco unidades da companhia, no interior do Estado de São Paulo.

A Vertente, que na campanha 2010/11 produzirá acerca de 117 mil toneladas de açúcar e 72 mil metros cúbicos de etanol, tem um projecto de expansão para aumentar a capacidade de moagem de cana para 2,2 milhões de toneladas, com uma produção de 165 mil toneladas de açúcar e 92 mil metros cúbicos de etanol.

O grupo Açúcar Guarani faz parte do grupo Tereos Internacional que, operando nos sectores do açúcar, amido e biocombustíveis, reuniu os activos do Açúcar Guarani com os activos europeus em cereais e em cana-de-açúcar no Oceano Índico do grupo Tereos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH