Moçambique exportou menos açúcar em 2009

31 May 2010

Maputo, Moçambique, 31 Mai – A exportação de açúcar proporcionou a Moçambique uma receita de 58,3 milhões de dólares em 2009, menos 10 por cento do que o valor registado em 2008, de acordo com o Plano Económico e Social (PES 2009) do Centro de Promoção de Agricultura (Cepagri).

Citado pelo diário Notícias, de Maputo, aquele relatório indica que a queda registada nas vendas ao exterior derivou da quebra da produção de açúcar em Moçambique, tendo sido exportadas apenas 122 mil toneladas de açúcar amarelo contra uma previsão inicial de 200 mil toneladas.

De referir que pela primeira vez desde que Moçambique retomou a sua posição de exportador líquido, não foi exportado açúcar para o mercado internacional livre, tendo sido exportado todo o açúcar para os mercados preferenciais da União Europeia no âmbito da Iniciativa EBA (Tudo Menos Armas, na sigla em inglês) e das quotas complementares.

O ano de 2009 foi marcado pela entrada em vigor na União Europeia do novo regime açucareiro, que implicou a eliminação do Protocolo de Açúcar ACP/UE (África, Caraíbas e Pacífico/União Europeia).

No entanto, a União Europeia concede aos países menos desenvolvidos o direito de exportar açúcar em quantidades ilimitadas livre de taxas para aquele mercado no âmbito da Iniciativa EBA.

De acordo com o PES 2009, ainda falta exportar 14 mil toneladas para os Estados Unidos da América, quantidade que corresponde à quota do ano comercial 2009/10 que termina em Outubro de 2010. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH