Moçambique aprova adesão à Comissão Internacional Consultiva do Algodão

9 June 2010

Maputo, Moçambique, 9 Jun – O governo de Moçambique aprovou a adesão à Comissão Internacional Consultiva do Algodão passando o país a dispor de facilidades de acesso e colocação do algodão no mercado internacional, disse terça-feira em Maputo o porta-voz do Conselho de Ministros.

A produção actual do algodão em Moçambique situa-se em pouco mais de 80 mil toneladas, na sua grande maioria exportadas por causa duma incipiente indústria têxtil para absorver as quantidades disponíveis.

O porta-voz do Conselho de Ministros, Victor Borges, indicou que a adesão a este mecanismo internacional vai permitir que o país tenha acesso a informação fulcral sobre mercados e as facilidades para melhor colocar a produção.

“Esta adesão tem em vista fazer com que Moçambique possa aceder à base de dados da comissão, através do qual pode ter informação relativa ao preço do algodão, ao comércio mundial e à base de dados sobre as técnicas usadas no plano internacional para a produção e outras relevantes”, disse Borges.

A decisão do governo constitui em si um passo importante para que se avance aos procedimentos de formalização.

Victor Borges, que é igualmente ministro das Pescas, acrescentou que acedendo aos preços da comunidade internacional facilmente se pode avaliar melhor como agir na produção interna e como colocar a produção. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH