Empresa australiana assina contrato para processar carvão em Moçambique

15 June 2010

Milton, Austrália, 15 Jun – A empresa australiana Sedgman assinou um contrato no valor de 80 milhões de dólares para a construção de uma unidade de processamento de carvão mineral em Benga, província de Tete, norte de Moçambique, informou a empresa em comunicado.

De acordo com o comunicado divulgado na sua página electrónica, o contrato foi assinado com a Riversdale Moçambique, parceria dos grupos australiano Riversdale Mining, com uma participação de 65 por cento, e indiano Tata Steel, com os restantes 35 por cento.

A Sedgman informa ainda que, com este novo contrato, a empresa já tem empreitadas no projecto carbonífero de Benga avaliadas em 143 milhões de dólares.

A unidade de processamento de carvão mineral a ser construída pela Sedgman irá processar cerca de 5,3 milhões de toneladas de carvão ROM (à saída da mina) por ano e produzir aproximadamente 1,7 milhões de toneladas de carvão metalúrgico de qualidade elevada e 0,3 milhões de toneladas de carvão térmico por ano.

Em Maio passado, a Riversdale Mining anunciou uma revisão em alta de 84 por cento para 502 milhões de toneladas das ressrvas confirmadas de carvão no projecto de Benga, situando-se as reservas estimadas em 4 mil milhões de toneladas. (macauhub)

A Sedgman é uma empresa constituída em 1979 que se especializou no fornecimento de soluções de processamento de minérios e infra-estruturas associadas para a indústria mineira. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH