Banco alemão KfW vai apoiar Parque Nacional do Limpopo, Moçambique

22 June 2010

Maputo, Moçambique, 22 Jun – O grupo bancário alemão de apoio ao desenvolvimento KfW vai contribuir com 10 milhões de euros para o programa de transferência das famílias residentes no Parque Nacional do Limpopo, na província de Gaza, informou o jornal Notícias, de Maputo.

O jornal adiantou que o governo de Moçambique está a trabalhar com outros parceiros para encontrar mais dinheiro para suportar a transferência total das mais de mil famílias actualmente a residir no interior do parque.

O reassentamento das famílias é considerada como a principal condição para assegurar o rápido crescimento e desenvolvimento sustentável do parque, cuja fauna encontra-se actualmente em processo de reposição.

Abel Nhaldede, coordenador do programa de reassentamento, disse que mal o dinheiro esteja disponível o parque dará início ao processo administrativo que terminará com a abertura de um concurso público para a selecção de um empreiteiro que irá construir as habitações.

O Parque Nacional do Limpopo, com cerca de 1.100 hectares, foi criado em Novembro de 2001, passando a constituir uma componente do Parque Transfronteiriço do Grande Limpopo envolvendo os Parques Nacionais de Gonarezho, no Zimbabwe, do Limpopo, em Moçambique e Kruger na África do Sul.

Desde a sua criação o parque recebeu 100 mil turistas entre nacionais e estrangeiros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH