Empresa portuguesa vai construir três barragens na ilha de Santiago, Cabo Verde

29 June 2010

Praia, Cabo Verde, 29 Jun – A empresa portuguesa Monte Adriano ganhou o concurso para a construção de três barragens na ilha de Santiago, beneficiando da linha de crédito de 200 milhões de euros disponibilizada por Portugal para projectos de obras públicas em cabo Verde.

A assinatura do contrato aconteceu domingo, na presença do primeiro ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, permitindo a construção, de raiz, das barragens da Faveta, Salineiro e Saquinho, que se juntarão à já construída do Poilão, concluída em 2006, com financiamento da China.

Segundo José Maria Neves, nos próximos dois a três anos, o governo pretende construir mais 17 barragens, com o objectivo de, até 2015, mobilizar 75 milhões de metros cúbicos de água, o que permitirá alargar a área irrigada do país, criar emprego e reduzir os índices de pobreza.

Para já, disse, as três barragens terão um “impacto fundamental na agricultura”, pois evitarão o desperdício dos milhões de metros cúbicos de água no arquipélago durante a época das chuvas – entre Julho e Novembro.

No global, Cabo Verde tem linhas de crédito de Portugal que ultrapassam 600 milhões de euros, destinados a projectos de infra-estruturas, mobilização de água e energias renováveis, bem como para apoio às empresas e à construção de habitação. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH